No dia 22 de agosto, às 14h, o Museu do Amanhã realiza uma Roda de Conversa no Terreiro de Curiosidades sobre a importância da atividade pesqueira ambientalmente adequada dos peixes amazônicos. O evento é parte da exposição Pratodomundo – Comida para 10 bilhões, em visitação no Museu do Amanhã. O evento tem entrada grátis.

O bate-papo também abordará o manejo do pirarucu, animal que foi vítima da pesca predatória e quase foi extinto na Amazônia. A conservação do peixe virou um símbolo da proteção e valorização da espécie por meio de um conjunto de medidas que especificam o período e a forma como o pirarucu pode ser pescado.

O debate terá presença do professor Domingos Diniz, atual Pró-Reitor de Pesquisa, Pós-Graduação e Inovação Tecnológica da UFOPA em Santarém-PA, que é especialista em pesquisa de pescados em comunidades tradicionais. O biólogo Felipe Rossoni Cardoso, que trabalha na instituição Operação Amazônia Nativa – OPAN, irá comentar sobre os projetos de conservação e promoção da sociobiodiversidade do pirarucu. A mediação ficará com a chef Teresa Corção, que conectará as discussões com a realidade de programas sociais que promovem transformações socioambientais ligadas ao mundo da gastronomia.

Inscreva-se pelo link.