Jurídico


Cursos


Eventos


Comunicação e Imprensa
  Home - Comunicação e Imprensa - Bares e restaurantes do Rio comemoram movimentação do reveillon
Bares e restaurantes do Rio comemoram movimentação do reveillon

Um movimento inédito foi registrado pelos hotéis, bares, restaurantes e casas noturnas do Rio de Janeiro neste fim de ano. Um levantamento feito pelo SindRio (Sindicato de Hotéis, Bares e Restaurantes) identificou que, em alguns pontos da cidade, estabelecimentos chegaram a registrar movimento até 40% maior do que no ano passado. 

"A cidade cheia, o tempo bom durante todo o feriado e a sensação de segurança motivaram que cariocas e visitantes permanecessem mais tempo nas ruas", destacou o presidente do SindRio, Alexandre Sampaio, lembrando que os turistas nacionais foram a grande maioria neste final de ano, contribuindo para a ocupação média de 94% nos hotéis.

De acordo com a pesquisa do SindRio, os bares e restaurantes da orla de Copacabana tiveram lotação completa no dia 31 e todas as ceias de reveillon vendidas. Ainda em Copacabana, onde os hotéis registraram 100% de ocupação, durante a semana de ano novo, os bares e restaurantes identificaram um aumento de 40% em relação ao movimento do ano passado. Nos outros bairros da orla turística do Rio, como Barra, Ipanema e Leblon, o movimento foi 20% maior.

A grande surpresa ficou para a região da Lapa, onde muitos estabelecimentos registraram o record de público do ano, no fim de semana que antecedeu a noite da virada. O Rio Scenarium, uma das casas mais concorridas do bairro, abriu as portas no domingo, excepcionalmente, e chegou a receber 3 mil pessoas.

O presidente do SindRio lembrou ainda que o perfil dos visitantes também evoluiu este ano. "O ticket médio dos bares e restaurantes aumentou durante o período, mostrando que os turistas estavam com maior poder de consumo. Além disso, houve aumento no movimento nos mais diversos estabelecimentos, mostrando que o perfil dos consumidores também foi bem diversificado", acrescenta Alexandre Sampaio. 

O Sindicato de Hotéis, Bares e Restaurantes estima que, neste ano, 70% dos bares e restaurantes da Zona Sul do Rio abriram as portas na noite de reveillon, mobilizando cerca de 20 mil profissionais.


voltar